Close

24 de maio de 2020

Cuidados Com o British Shorthair

Cuidados com o British Shorthair

Mesmo sendo um animal extremante independente, seu British Shorthair, precisa de cuidados básicos. Confira a lista abaixo, especialmente se você for um tutor de primeira viagem:

Água:

Os gatos são conhecidos por consumirem pouca água, e fazer o possível para que uma boa quantidade de água seja ingerida pelo seu gatinho, é muito importante. Ofereça para o seu British Shorthair, água filtrada e troque pelo menos duas vezes ao dia. Dessa forma a água estará sempre fresquinha e muito mais atrativa para ele.

Alimentação:

Uma ração de alto valor nutricional, é altamente recomendado para o desenvolvimento completo do seu British Shorthair. Por isso, oferecemos ração Super Premium, logo que nossos filhotes são capazes de consumi-la. 

Patês e sachês com sabores especiais, também fazem parte de uma dieta balanceada, mas não se deve exceder a quantidade de alimento recomendado pelo veterinário ou pelo fabricante.

Ração Super Premium:

Ao mesmo tempo, informamos qual a ração que o gatinho está acostumado. E é altamente recomendável que isso seja continuado. Rações com baixa qualidade, além de prejudicar no desenvolvimento do filhote, podem ainda subnutrir seu British Shorthair, causando muitos problemas de saúde. E, se pretende alguma mudança faça de forma lenta.

Brincadeiras:

O British Shorthair, como qualquer gato, necessita manter uma rotina para evitar o ganho de peso. Então, dedique um tempo para brincar com seu gatinho. Isso além de saudável para ele, também ajuda a construir uma relação entre vocês. Mantenha-o sempre ativo! 

Cama:

Antes de gastar dinheiro com isso, saiba: Seu British Shorthair pode amar ter sua própria cama, ou nem ligar para ela. Mas uma coisa é certa: gatinhos amam conforto! Então proporcione isso a ele. A cama deve ser acolchoada e ter um cobertor pet.

Caixinha de Areia:

Nossos filhotes são entregues já usando a caixinha de areia por conta própria. E um dos cuidados que sempre temos por aqui, é mantê-la limpa! Por isso, continuar essa medida é fundamental para evitar que seu British Shorthair comece a urinar em outros lugares.

Frequentemente, informamos aos novos tutores, qual modelo de caixa, e qual areia o gatinho está acostumado. O British Shorthair, é muito sensível a texturas, e uma mudança inesperada pode fazer com que o gatinho não use a caixa de areia. Isso pode inclusive trazer alguns problemas: como xixi fora da caixa, por exemplo.

Por outro lado, se você preferir usar um outro tipo de areia, recomendamos que comece usando aquela que foi indicada, e vá apresentando lentamente a nova pro seu British Shorthair. Ah! Vá de cara apostando em uma derrota, mesmo sendo um filhote, gatos são teimosos e precisam de paciência para mudar hábitos já adquiridos. 

Higiene:

Se seu gatinho não terá acesso ao jardim, banhos frequentes não são necessários.

Para manter um pelagem saudável, basta uma escovação semanal para remoção dos pelos mortos, isso também evita a tão indesejada bola de pelo. Os olhos e ouvidos devem ser limpos regularmente quando se observar excesso de lágrimas e secreções. E o corte regular das unhas é muito importante.

Plantinhas:

O British Shorthair é muito curioso, e ama roer plantinhas. Cultive em pequenos vasos, plantas indicadas para gatos. E ofereça sempre! Isso ajuda no trato digestivo do seu animal.

Amigos:

O British Shorthair é muito tolerante a outros animais, inclusive cachorros. Permita que ele se relacione com outros gatos. 

Veterinário:

Visite regularmente o veterinário. Apesar de nossas matrizes serem de excelente qualidade, gatos podem ser acometidos de diversos tipos de problemas, e acompanhar a saúde do seu animal é um ato de amor e responsabilidade.

Em conclusão, agora que você já sabe qual a caixinha deve comprar, que tipo de areia, qual a ração e os principais cuidados com a segurança do seu gatinho, reserve um ambiente da casa que seja calmo e seguro, e monte ali um pequeno refúgio pro seu British Shorthair, deixando todas a necessidades do gatinho próximas a ele, e só depois quando ele ganhar confiança vá apresentando a casa aos poucos.

24 de maio de 2020

Open chat